quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Meu amor que caminha pelo destino, perdido.


Dia ensolarado, calor que ilumina
Rua deserta, pétalas em secagem
Leve vento, que meu olhar anima
Árvores nuas, soltando a folhagem
.
Caminho devagar, sopra leve vento
Cantam as aves, odes em desalinho
Saltitam, sorrio pelo seu tormento
Por apaixonados não terem ninho
.
Borboletas esvoaçam em meu redor
Parecem trazer beijos do meu amor
Que caminha pelo destino, perdido
.
Sorriso feliz pelo deslumbramento
De ver borboletas dançar ao vento
Como tu, meu amor, danças comigo

.
Autor: gil antónio
.

16 comentários:

  1. Boa noite, Gil. Lindo, lindo. De uma leveza impar.[ consegues surpreender-me]* Obrigada.

    Bjos
    Noite feliz e tranquila.

    ResponderEliminar
  2. Olá! Boa noite! Mais uma linda poesia da autoria do Gil. Dia ensolarado, calor que ilumina... Lindo parabéns! Abraços

    ResponderEliminar
  3. Quisesse eu ser uma borboleta
    Que suavemente de dizia baixinho
    Que te sinto um certo carinho
    Quando te escrevo aqui sem caneta

    Mas assim, leve, levemente
    Como quem pinta uma flor
    Nas asas da borboleta, somente
    Escrevo meus sussurros de amor.

    Breve homenagem. LINDO!!

    Um sussurro.

    ResponderEliminar
  4. Uma leveza incrível, para terminar a noite. Amei

    Beijinhos e uma noite feliz e serena

    ResponderEliminar
  5. Arrasou com essa poesia,Gil! Que linda,romântica,leve!

    A paixão faz nascer essas pérolas!

    Imagem maravilhosa e com essa música de fundo...Nossa!

    Adorooo seu espaço!

    Feliz e abençoada quinta_feira

    Obrigada pela visita e volte sempre.

    Beijos sabor carinho

    Donetzka

    Blog Magia de Donetzka

    ResponderEliminar
  6. Última estrofe, muito ao estilo Dirty Dancing. Aprovado, no entanto a descrição inicial soa a um sujeito poético num mundo perfeito.

    ResponderEliminar
  7. Um poema romântico e leve, uma beleza para fechar a noite com chave de ouro! :) Boa noite.
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  8. Romântico mas não trôpego.
    Gostei muito.
    Aquele abraço, bfds

    ResponderEliminar
  9. Adorei leveza deste poema.
    Amei.

    Bom dia amigo

    ResponderEliminar
  10. Linda e leve poesia! abraços, ótimo fds! chica

    ResponderEliminar
  11. Leveza e beleza, completam-se. Muito bom

    Abraço.

    ResponderEliminar
  12. E eu que adoro borboletas fiquei grata por me dar a conhecer este poema!!!bj

    ResponderEliminar
  13. Gosto muito de borboletas :)

    Bom fim-de-semana.

    Bjs

    ResponderEliminar
  14. Beleza e leveza... numa harmoniosa combinação, neste excelente poema!... Como sempre, com uma construção admirável!
    Adorei! Abraço!
    Ana

    ResponderEliminar