segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

{poetizando e encantando} Arrepios de um luar encantado

 
Saio pela noite, em desvario, miro o luar
O brilho dos raios me fascinam a mente
Confesso aos meus botões que meu olhar
Se enamorou pelo encanto, simplesmente
.
Delicadas águas que parecem adormecidas
São espelho de toda uma beleza iluminada
Fazem admirar as almas mais enternecidas
Quando pela noite, se sentem, apaixonadas
.
O meu olhar não quer deixar a lua sozinha
Mesmo espelhada nas águas, em frenesim
Dum azul apaixonante em noite quentinha
 .
E num sopro suave, qual frescura delicada
Se entranha no meu vestido, de puro cetim
Provocando arrepios, em luxuriosa noitada.
 ---
    💙💙

Ps: É com muito gosto que apresentamos a nossa 1ª participação na interacção do Poetizando e Encantando. Do Blogue da Profª Lourdes Duarte.
-- 

Autora: Larissa Santos 

47 comentários:

  1. Maravilhosa tua participação,Um encanto,Larissa! beijos, linda semana,chica

    ResponderEliminar
  2. A passar por cá para conhecer mais um bonito poema e desajar uma ótima semana!


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  3. Lindissimo parabens. E parabens pela participacao no blog da professora Lurdes Duarte m.bjinhos

    ResponderEliminar
  4. Parabéns pela vossa partilha e participação! Eu acho que merecem levar mais longe a vossa inspiração poética.

    Com o meu abraço

    ResponderEliminar
  5. Inspiração divina. És uma poeta de excepção, Larissa Santos
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Participação de arrepiar, belos versos.

    Um abraço.

    ResponderEliminar
  7. Já não sei se me apaixono pelas
    águas do lago ou pelos raios da
    lua. O certo, entretanto, é que
    saio daqui nos braços do amor
    entre uma pessoa que sonha e a
    natureza que a faz dormir...

    Beijos e parabéns pela postagem.
    (belíssimos versos)

    silvioafonso


    .

    ResponderEliminar
  8. Que poema lindo,....obrigada pela visita no meu cantinho!
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  9. Cara Larissa, eis um belo soneto compostos por versos sensíveis, lindos, delicados...
    Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma linda semana, um bom ano e uma boa vida. Ah, a música de fundo é perfeita para este soneto.

    ResponderEliminar
  10. Participou muito bem, Larissa!
    Obrigada pela interação no Ciranda de Frases também...
    Poetou com o seu coração!
    Bj

    ResponderEliminar
  11. Uau! O meu aplauso para a vossa primeira participação. BRILHANTE!!
    PARABÉNS.

    Beijo e uma excelente semana

    ResponderEliminar
  12. Parabéns pela participação no blog da professora.
    Bom mostrar seu trabalho.
    Não sou boa comentadora porque nem entendo de poesias, nem fui estimulada a ler poesias.

    ResponderEliminar
  13. Fiquei deslumbrada com o belíssimo poema e ouvir com musica de fundo e contemplando a foto, faz-me ir mais além.
    Parabéns pela sua 1º participação no blog da Profª Lourdes Duarte.
    Abraço

    ResponderEliminar
  14. Dancei na suave pauta das tuas palavras. ;)

    ResponderEliminar
  15. uma participação bem interessante o soneto está perfeito.
    boa semana.
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  16. Que inspiração linda Larissa!
    Poetizou e encantou todos nós.
    Bjs,obrigada pela visita e uma ótima semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  17. Belo poema que dá um brilho especial a sua participação.
    com admiração e abraço

    ResponderEliminar
  18. E estreou muito bem!
    A lua... sempre inspirando poetas e poetizas...

    Abraços esmagadores e uma semana maravilhosa!

    ResponderEliminar
  19. Larissa
    Uma linda poesia que me encantou.
    Você deslizou seus dedinhos no teclado com muito amor.
    Parabéns poetisa
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  20. No fascínio do luar, a tua poesia se eterniza, Larissa. Meus efusivos parabéns por tão bela criatividade e um fraternal abraço.

    ResponderEliminar
  21. Ah Larissa, a lua bela
    Contigo bela também,
    A beleza que o céu tem
    Perde da linda donzela.

    O luar é luz de vela
    Comparada à de alguém
    Que da praia olha o além
    Retratado nesta tela.

    Até a estrada de prata
    Na beira do mar refrata
    Ofuscada pelo olhar

    Da musa que a obra retrata
    Em inspiração tão grata
    Tendo a extensão do mar.

    Lindo o teu poema, Larissa! De inveja fiz o meu também diante da imagem maravilhosa. Parabéns! Grande abraço. Laerte

    ResponderEliminar
  22. Parabéns pelo soneto Larissa, está inspirador. a gente se sente na água, lendo ele.
    Larissa á um lindo nome, nome da mais nova de minhas sobrinhas ;)
    Quando puder, se quiser, leia minha participação em:

    Amara - No blog;

    Amara - No Escritas.

    Grande Abraço!
    Nick

    ResponderEliminar
  23. O luar possui este sortilégio de inspirar os poetas.
    Adorei o soneto. Tão bonito que até arrepia. :)

    Beijinhos e parabéns, Larissa!

    ResponderEliminar
  24. Olá querida Larissa! Mas que bela surpresa, você que já participava do poetizando, nos encantando com seus comentários, nesta edição inicias nos encantando com sua maravilhosa poesia! Linda participação, mais uma amiga que engrandece essa BC com todo carinho poetizando lindamente! Sua poesia, singela, romântica com forte saudosismo na noite de luar, ao som dessa música ficou perfeita!
    O meu olhar não quer deixar a lua sozinha
    Mesmo espelhada nas águas, em frenesim
    Dum azul apaixonante em noite quentinha
    .
    E num sopro suave, qual frescura delicada
    Se entranha no meu vestido, de puro cetim
    Provocando arrepios, em luxuriosa noitada.

    Linda grande poetisa! Só tenho que lhe agradecer e dizer-lhe, seja bem vinda! Amei!
    Desculpe não ter vindo antes, hoje passei o dia na escola e o tempo lá não deu para entrar na net. Parabéns! Muito obrigada! Abraços

    ResponderEliminar
  25. Boa noite Larissa...
    Palavras que nos tocam a alma...
    Adorei...
    Beijos...

    ResponderEliminar
  26. Um soneto magnífico para uma excelente participação.
    Beijinhos e ótima semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  27. Bonito como sempre,
    seu olhar encantado
    amor seu coração sente
    não seja desperdiçado!

    Tenha uma boa noite cara amiga poetisa Larissa. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  28. adorei também o titulo tao sugestivo !!!
    Arrepios de um luar encantado ...

    passei por cá, vinda já não sei de onde ?!
    abraço
    Angela

    ResponderEliminar
  29. Soneto inspirador com palavras escritas no luar.
    bjs
    Kique
    https://caminhos-percorridos2017.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  30. Tão bonito e delicado! Gostei muito, como sempre

    r: Muito obrigada pelos comentários :)

    ResponderEliminar
  31. Ola, querida amiga Larissa!
    "Delicadas águas que parecem adormecidas "...
    Muito lindo um amor delicado!
    Seja muito feliz e abençoada
    Bjm de paz e bem

    ResponderEliminar
  32. Lindo e apaixonante poema Larissa
    Um deleite que degustei com imenso prazer
    Beijos

    ResponderEliminar
  33. Um poema que celebra os mistérios e as promessas da noite.
    Muito bonito, como é hábito.
    Bjs

    ResponderEliminar
  34. Que lindo soneto: místico como a canção do blog, beijos

    ResponderEliminar
  35. Olá, lindo poema com referencia ao luar, o seu olhar não quer deixar a lua sozinha, certamente que não vai a deixar, pelo facto de não ser indiferente, assim como, a lua não a vai deixar sozinha.
    Continuação de boa semana,
    AG

    ResponderEliminar
  36. Oi, Larissa! Quanta delicadeza e beleza! Gostei! ;)

    beijos!

    https://ludantasmusica.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  37. Os meus votos de grande sucesso nessa participação, Larissa !

    :)

    ResponderEliminar
  38. Muito bem Larissa e veio com força total para engrandecer ainda mais este projeto da Lourdes com esta belíssima imagem. Soneto de beleza e sensualidade bem sutil. Gostei amiga.
    Bjs de paz e aplausos pela construção e inspiração.

    ResponderEliminar
  39. Larissa!
    O luar sempre é inspirativo e você trouxe um belo soneto intenso, carregado de verdades e sentimentos arraigados no peito, parabéns!
    “Quer você acredite que consiga fazer uma coisa ou não, você está certo.” (Henry Ford)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA FEVEREIRO: 3 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderEliminar
  40. Maravilhosa participação.
    o luar e o mar a encantar a poetisa.
    Beijinhos
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  41. Que grande participação Larissa com este poema lindo
    Bjs
    Kique
    https://caminhos-percorridos2017.blogspot.pt/

    ResponderEliminar