sexta-feira, 8 de junho de 2018

Amor por entre nuvens de distância


Procuro-te por entre as nuvens do mundo
Como quem procura a felicidade rainha
Porque amar-te é o desejo mais profundo
E sonho com o dia em que serás minha
*
Procuro-te dentro do infinito como sendo
A mais cálida música que quero ouvir
O meu olhar fica feliz porque te vendo
Começou e por amor não deixa de sorrir
*
Nossos corações se amam mesmo distantes
Porque se conhecem mesmo sem o saber
Parece até que já se tocaram, muito antes
Do próprio sol, que ilumina o amanhecer
*
Se nos amámos por entre vivências sentidas
Mesmo que nossas almas não se lembrando
Decerto que existem recordações vividas
Nelas, meu coração, está triste, chorando

***
autor: gil antónio
*

33 comentários:

  1. Bom dia meu lindo amigo! O teu poema me tocou. Lindo...lindo...lindo. Parabéns.

    Partilhei :)))

    Beijinho molhado.

    ResponderEliminar
  2. Olá, olá!
    Que encanto de poema, Gil António!
    Qualquer Mulher quer fazer parte destas tuas palavras. Muito bom, mesmo! :) Bom dia.

    Um beijo
    Que esteja tudo bem contigo!

    ResponderEliminar
  3. Qualquer semelhança com alguma realidade, será pura coincidência...

    Excelente Gil!
    Abraço

    Olhar d'Ouro - bLoG
    Olhar d'Ouro - fAcEbOOk

    ResponderEliminar
  4. Bom dia, Gil António!
    Que fascínio de poema!! Amei! :)


    Beijo. Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  5. Bom dia, os sonhos são para ser concretizados,
    "Não me basta ter um sonho. Eu quero ser um sonho"
    Mia Couto
    O poema é perfeito,
    Bom fim de semana,
    AG

    ResponderEliminar
  6. Há mistérios no amor que nos surpreendem...

    ResponderEliminar
  7. Lindo! Só de grandes poetas cheios de inspiração podem sair poemas desta qualidade!

    BOM FIM DE SEMANA com o meu abraço.

    ResponderEliminar
  8. Gil eu não acredito que AMAR à distância resulte!
    Amar precisa de alimento tal como diz o poeta!
    bj

    ResponderEliminar
  9. Amigo Gil
    Um belo poema de amor! Um amor infinito!
    Um abraço
    Beatriz

    ResponderEliminar
  10. Desejo-lhe um óptimo fim-de-semana para limar essa tristeza.
    Abraço

    ResponderEliminar
  11. Quem procura sempre encontra!
    um belo pomea.
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  12. Sabes tocar o coracao de uma pessoa. Parabens lindissimo poema. Bjs Gil

    ResponderEliminar
  13. Um belo poema de amor,
    nesse desejo profundo
    nas pétalas duma flor
    há perfume não há fumo!

    Tenha um bom fim de semana caro amigo poeta Gil António.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  14. Que bela poesia de amor!

    r: Sim, sem dúvida :)

    ResponderEliminar
  15. Que lindo poema amigo Gil! A procura de um amor por entre as nuvens do mundo. Uma bela inspiração. Parabéns!
    Abraços , feliz fim de semana.

    ResponderEliminar
  16. Oi Gil, bn!
    Mais um lindo poema acompanhado de uma bela música. Parabéns amigo!
    Bjssss e um maravilhoso FDS é o que desejo p/vcs

    ResponderEliminar
  17. O amor precisa ser corporificado, a distância é como um balde de água fria jogado no coração. Lindos ve amorosos versos Gil, idem a música!
    Bom final semana!
    Abraço!

    ResponderEliminar
  18. Nas coisas do amor nada é impossível
    Abraço

    Hoje em Caminhos Percorridos - O peso do nome de família

    ResponderEliminar
  19. O amor é incrível! Ótimo poema!
    Beijos.
    http://vinteedoisdemaio.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  20. Na distância transcende-se o mais puro e belo do amor.
    Versos e trilha sonora tocantes! Obrigada!
    Abraço.

    ResponderEliminar
  21. Oi Gil,
    Linda poesia, onde o sentimento aflora
    Adorei
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  22. GIL, O Meu Silêncio para o Trabalho que faz,porque não tenho palavras que o saibam exprimir,Falam por Mim.
    Abraço . Alberto Santos

    ResponderEliminar
  23. Confessos ter ficado emocionada com a singeleza de tão belos versos, caríssima poeta Gil. Uma apologia ao mias puro dos amores. Aplausos e ótimo fim de semana, Poeta Amigo. Luiza De Marillac Michel

    ResponderEliminar
  24. Boa noite Gil!

    Belíssimo poema meu caro. Certamente esse coração está amando e encantando. Parabéns!

    Desejo a ti muita paz, luz, amor e harmonia

    Wellington Maia

    ResponderEliminar
  25. A poética busca do amor, transcendente, transbordante, atemporal e inspiradora.

    Um abraço e uma boa semana.

    ResponderEliminar
  26. Todos sonhamos encontrar a alma gémea.
    Belíssimo soneto.
    Beijinhos
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  27. Olá, Gil!
    Lindíssimo, parabéns!
    Bom domingo!

    ResponderEliminar
  28. Gracies per la teva entrda al blog pero he tingut que posar traves per que hi ha un individu que em puteja i s,inventa coses
    Petons

    ResponderEliminar
  29. Eternamente apaixonado mestre Gil.
    O enamorar-se faz revolução no ser.
    Uma bela inspiração e construção.

    Uma boa semana com paz e harmonia com poesia.
    Meu abraço.

    ResponderEliminar
  30. Maravilhoso, este amor que adquire contornos de infinito!...
    Adorei cada palavra, Gil! Magnifica inspiração!
    Beijinhos! Continuação de uma boa semana!
    Ana

    ResponderEliminar