sábado, 8 de dezembro de 2018

Lágrima em rio de cumplicidade

💕
Embriagada pela brisa, em fim  de tarde
Naquele rio de amor, ou de meras ilusões
Onde desejo que o meu amor me guarde
Num cantinho especial das suas emoções
💧
Confesso, que me sinto por vezes, sozinha
Mesmo que ouça, e veja, aves esvoaçando
Quando o sol se ausenta em voz mansinha
Chega a brisa sussurrando e me abraçando
💧
No meu silêncio onde as ondas e as flores
Me fazem reflectir, e desejar o amanhecer
E ver, como é belo o dia em todas as cores
💧
Embriagada... e mergulhada nesta saudade
E num silêncio desmedido, pode acontecer
Soltar-se a lágrima, no rio de cumplicidade.

💕

🌷 Autora: Larissa Santos

49 comentários:

  1. É que a felicidade faz muita vez soltar a lágrima!!!
    Bj e gostei de ler!!!

    ResponderEliminar
  2. Também se chora de felicidade. Gostei muito deste soneto.
    Abraço e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E quantas vezes, Dnª Elvira?!
      Obrigada pela visita...

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  3. Embriaguez de saudade e tanta inspiração! Linda! beijos, chica

    ResponderEliminar
  4. Respostas
    1. Obrigada Francisco, pela visita...

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  5. Embriagada? ohohohhohohhohhoh. Ups... é pela aragem, lol

    Mais a sério: Mais um poema escrito com a alma, ao sabor do imaginário do coração. Lindo, como sempre.

    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gil, Gil...Até o teu charme me embriaga, e sabes bem que sim :))Obrigada Anjo Lindo...

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  6. Desta vez, não comento nenhum sacrilégio ao comentar o teu encantador soneto, Larissa, porque as metáforas são outras.

    Um soneto escrito por uma mulher romântica, apaixonada, emocional,
    onde o desejo e a ilusão são companheiros.

    O amor 💓 é um rio de cumplicidade. Um rio, onde mergulhamos com prazer.

    Beijinho 😘 de Düsseldorf.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A ematejoca anda a ler-me a alma, kkkkk. Romântica, apaixonada e com uma certa sensibilidade. :))) Grata pelas suas palavras :))
      Bjos

      Eliminar
  7. Havendo cumplicidade, tudo favorece à realização do sonho amorável, Larissa. Meus cumprimentos por tão expressiva e bela poética e um abraço com o carinho de sempre.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Antenor Rosalino, Obrigada pelas suas palavras de incentivo ;))

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  8. Inspiração bonita e terna!
    Bom fim de semana... Abraço

    ResponderEliminar
  9. A natureza a tornar-se cúmplice do eu poético... tão bonito!
    Bom fds

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem vinda Lua Azul... Obrigada pela visita:))

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  10. Belíssimo poema.
    Beijinhos e bom fim de semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Ailime, pela visita:))

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  11. Quando a poesia está no coração, as palavras escritas, são eco de embriaguez poética. Amei cada verso.
    --
    * Os contrastes poéticos da natureza viva *

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem vinda Nataline. Obrigada pelas palavras de carinho. Gostei.:))

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  12. Lindo poema Larissa.
    Muito sensível ter como cúmplice um rio, que leva lágrimas sem dizer de onde vieram.
    Adorei as gotinhas de lágrimas.

    Bjs

    Votos de um fim de semana de paz, luz, amor e harmonia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Wellington Maia, obrigada pelas suas palavras... são um balsamo :))

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  13. Respostas
    1. Obrigada Magui, pela sua visita :))

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  14. Embriagado fico eu ao ler tão poderoso poema. Gostei muito
    Bjo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Max Men... Obrigada pela visita...

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  15. O rio é cúmplice dessa saudade!
    Lindo Larissa.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mesmo, Carmen Lúcia...Obrigada pela visita :))

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  16. Respostas
    1. Obrigada pela visita, Cidália Ferreira.

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  17. Respostas
    1. Ontem é só Memória, obrigada pela visita:))

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  18. Que poema maravilhoso!
    Beijos.
    http://vinteedoisdemaio.blogspot.com/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que gostaste, Gabriela Rafaela:))

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  19. Respostas
    1. Obrigada pela visita, Manuel Vieira :))

      Bjos
      Óptimo fim de semana :))

      Eliminar
  20. Simplesmente maravilhoso *-*

    r: Muito obrigada!

    ResponderEliminar
  21. Larissa,
    quem ama tem essa liberdade
    de deixar alguma lagrima escapar,
    seja de saudade ou de motivo outro.
    Lindos versos.
    Bjins
    CatiahoAlc.

    ResponderEliminar
  22. Oi Larissa
    Está sempre a cantar o amor e isso também nos embriaga.
    Gosto,sempre!
    abraços e bom fim de semana ,com muita inspiração.

    ResponderEliminar
  23. Um poema lindo e cheio de sentimento! :) Beijinhos e bom fim de semana.
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  24. A passar por cá, hoje, para desejar bom fim de semana!

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  25. Espetacular imagem e poemas que tocam corações!

    BOM FIM DE SEMANA COM O SORRISO DO NOSSO SOL.

    ResponderEliminar
  26. Olá, Larissa!

    Como sempre, muito bom gosto e um lindo poema.

    ResponderEliminar