quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Perdida no Sonho... Nudez Imaculada.

 Foto de Cidália Ferreira.
Perco-me neste sonho do meu ser imaculado
Por marés tempestuosas, dos momentos frios
Vagueia a liberdade do sentimento camuflado
Impedindo o meu corpo de receber outros rios
.
Esta saudade que sinto, levas-me à exaustão
Mesmo com preconceito deixo lágrimas leais
No silêncio do meu desejo lembro da questão
O mar revolto me devolveu os sonhos irreais
.
E neste silêncio do mar onde observo de perto
Correm nuvens, quais lágrimas desprevenidas
Aquelas que o mar acolhe e onde me converto
.
Mergulho na minha nudez. Lúcida sensualidade
Corpo desnudo, em delírio, com ideias retraídas
Neste sonho digno, em maré de grande saudade.

📩
 --- 

Autora Larissa Santos

38 comentários:

  1. Muitos parabéns, gosto da música de fundo:-)
    Bom dia!

    ResponderEliminar
  2. A maresia enquanto companheira... Perfeito!

    ResponderEliminar
  3. Que lindo poema,...Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  4. Bom dia. Doce, cheio de ternura, maravilhoso poema

    Beijo, Larissa.

    ResponderEliminar
  5. Quando se ama o mar, o sol e o horizonte é meio caminho para a inspiração poética do amor! LINNNNNDO.

    Com o meu abraço

    ResponderEliminar
  6. A passar por aqui para conhecer mais um bonito poema!


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  7. Uma saudade desnuda em corpo imaculado!
    Lindo soneto Larissa.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  8. Ola, querida amiga Larissa!
    Um exalar de sentimento prifundo em forma de piesia ...
    A saudade produz uma espada na alma do coracao amante.
    Seja muito feliz e abençoada
    Bjm de paz e bem

    ResponderEliminar
  9. A saudade escreve-se na nudez...
    Obrigada pela visita
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  10. Uma saudade em versos sonhadores.
    Boa quinta-feira... Abraço

    ResponderEliminar
  11. Poema belo e inspirador. Amei

    Beijo e um dia muito feliz.

    ResponderEliminar
  12. Belíssima poema, Larissa ! ... Belíssima confissão de sentimentos e desejos, avassaladores, que tantas vezes nos perturbam e levam à exaustão !

    :) Muito Bom !!!

    ResponderEliminar
  13. A saudade e um sentimento tao comum a todos nos. Bjokas Larissa

    ResponderEliminar
  14. Que palavras tão bonitas.
    Gostei muito do blog.
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  15. Gostei muito do soneto, é excelente, parabéns.
    Continuação de boa semana, amiga Larissa.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  16. Oi Larissa, bt!
    Mais um lindo poema que encontro nesse cantinho. Lindo e sensual!
    Parabéns!
    Bjsssss

    ResponderEliminar
  17. Larissa sensual e misterioso o seu poema ... GOSTEI de ler ... bj!!!
    Uma aldeia de xisto que não encontrei no mapa …
    https://crocheteandomomentos.blogspot.pt/2018/02/cadaval.html

    Aprenda a gostar de beterraba … com os petiscos da Gracinha:
    https://ospetiscosdagracinha.blogspot.pt/2018/02/hoje-vamos-falar-de-beterraba.html

    Nas minhas arteirices e agora que tenho “costurado” pouco … há novidades:
    https://asarteiricesdagracinha.blogspot.pt/2018/01/cortinas-do-pinterest.html

    E por ter imensos olhares com belos reflexos portugueses … aqui os pode ver:
    https://mgpl1957.blogspot.pt/2018/01/reflexos-que-me-encantam.html

    Que FEVEREIRO seja um EXCELENTE mês para si que me visita!!!

    ResponderEliminar
  18. Desejos confessados em sonhos numa linda declaração romântica e sensual. Belíssimo poema Larissa
    Beijos

    ResponderEliminar
  19. mt bonita a foto que fala mt sobre o poema que tambem é mt bonito parabens bjs

    ResponderEliminar
  20. Oi Larissa,
    Mais um bonito e inspirado poema!
    A saudade corrói um pouco
    nosso coração...
    Beijos!

    ResponderEliminar
  21. Um poema inspirador!

    r: Obrigada e boa sexta-feira :)

    ResponderEliminar
  22. Mais um lindo e belo poema sobre essa coisa que é a saudade.
    bjs
    Kique
    https://caminhos-percorridos2017.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  23. Gostei de ler .
    Supera-se em cada novo poema.
    Abraço

    ResponderEliminar
  24. Dia após dia, os Sonetos vão num crescendo de beleza e de sonho.
    Este está primorosamente belo.
    Adorei.

    Beijinhos. Noite de paz e amor. :)

    ResponderEliminar
  25. Que bonito poema
    https://retromaggie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  26. Oi Larissa,
    Adorei a poesia
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  27. Uma ternura cheia de sensualidade.
    Bjs, bfds

    ResponderEliminar
  28. A passar por cá para desejar bom fim de semana!

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  29. Bom dia, lindo como todos os teus poemas. Adoro vir aqui de manhã. beijinhos
    https://amigos-da-cozinha.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  30. Quando a saudade chega, dilacera o coração.
    Lindíssimo soneto.
    Beijinhos
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  31. Primor sentimental de pura saudade.
    Boa semana.

    ResponderEliminar