quinta-feira, 22 de março de 2018

Amor em líricos fragmentos de vento




Existem bocados do meu triste olhar
Espalhados pelas orlas do amanhecer
Sentimentos que deixei dispersados
Pelos contrastes frios do entardecer
Que solitário, desbravei sem parar
*
Na procura dum sorriso vindo de ti
Que na esperança me fez acreditar
Secos e áridos desertos que percorri
Abatido, sentimentos embaraçados
Por meu coração te querer amar
*
Líricos fragmentos de vento, colados
Ao suor da minha solitária caminhada
Onde por passos trémulos e estafados
Andei por areais secos, sujos, gelados
Pelos infiéis compassos da desventura
*
Aromas de amor, visões do teu abraço
Pisei pedras de fé, venci a noite escura
Curei feridas, chagas do meu destino
Sem sorte, procurei no meu caminho
O teu sorriso, a razão do meu cansaço
*
Autor: gil antónio

54 comentários:

  1. Que belo poema,...Passa no meu cantinho :)
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  2. Todos nós à nascença temos pela frente uma caminhada para percorrer, umas cheias de pedras, outras de areia e ainda com obstáculos difíceis de vencer! Com isto não digo nada de novo, mas vou dizer mais que gosto muito da maneira poética que transmite nos seus poemas, PARABÉNS.

    O meu abraço

    ResponderEliminar
  3. i love this poem dear,thanks for sharing this lovely post..

    https://clicknorder.pk online shopping in pakistan

    ResponderEliminar
  4. Bom dia meu querido. Parabéns por mais uma pérola poética. Adorei. :))

    [PS: Fala-me ]

    Bjos
    Votos de um dia imensamente feliz.

    ResponderEliminar
  5. Belíssimo! !
    Um poema de um lirismo e profundidade
    tocante.
    Uma capacidade expressiva poeticamente
    especial de revelar o sorriso da
    amada, como o portal da renovação
    e o caminho desejado a percorrer...
    Apreciei muito, parabéns pelo
    poema, poeta Gil.

    ResponderEliminar
  6. Lindo poema, carregado de emoção.
    Gostei muito.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  7. Muito bonito! =)
    Beijinhos,
    http://chicana.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  8. Nem sempre seguir em frente é fácil, cada pessoa que vem deixa um pouco em nós, cada uma que vai leva um pouco da gente...

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  9. Precioso este poema, su sonrisa, la causante de tu fatiga...
    Excelente espresión.
    Un gusto leerte.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde!!
    Parabéns, pelo tão poderoso poema!! AMEI!

    Beijinhos e um dia feliz

    ResponderEliminar
  11. Beleza de poema como todos seus escritos que calam fundo na nossa alma!
    Beijos!

    ResponderEliminar
  12. Ciao Gil, prima di tutto grazie della tua visita e poi dovrò mettermi ad imparare la tua lingua per poter apprezzare le tue poesie. Per quel poco che riesco ad interpretare sono molto belle, ma il traduttore non potrà mai rendere l'espressione dei tuoi sentimenti. Buona serata.

    ResponderEliminar
  13. Magnífico poema de amor.
    Gostei imenso, parabéns pelo seu talento poético.
    Continuação de boa semana, caro Gil.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  14. Oi, Gil! Que poesia bonita! Muita sensibilidade e muita busca!

    beijos!

    https://ludantasmusica.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  15. Olá, como sepre é um prazer vir a este Blog. Adoro!
    beijinhos
    http://amigos-da-cozinha.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  16. Boa tarde, Gil.
    Lindíssimo poema que muito me encantou.
    Agradeço a sua gentil visita.
    Ótima semana.
    Abraços de
    Verena e Bichinhos.

    ResponderEliminar
  17. Versos líricos de puro encantamento., deixa alma da gente inebriada de poesia!
    Ótima tarde Gil!
    Abraço

    ResponderEliminar
  18. Oim Gil, que poeta sensível tu és, aqui em versos que me fez perceber que sempre esperamos um sorriso lindo vindo da pessoa amada, pois o sorrir é que sempre faz a diferença!
    Bela inspiração!
    Amei ler, deixo aqui meu abraço apertado, agradecida sempre pelas suas visitas e comentários amáveis!

    ResponderEliminar
  19. Olá Gil e Larissa

    Acabei de ler o vosso espaço e como gosto imenso de poesia, vim para ficar e este último está uma pérola, assim como alguns/muitos de Larissa.

    Um espaço que irei continuar a visitar sempre que puder:)

    Beijocas e uma boa noite

    ResponderEliminar
  20. Lindo e emotivo poema.
    Abraços tenha uma ótima quinta-feira.

    ResponderEliminar
  21. Lindo poema Gil, mais um "enorme" PARABÉNS AMIGO!
    Bjs

    ResponderEliminar
  22. Uma busca, uma esperança... Um poema super-reflexivo.
    Abçs

    ResponderEliminar
  23. Uma bela reflexão, obrigado pela visita volte sempre.
    Blog:https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  24. Gil,
    Tudo vale por um doce e desejado sorriso, aquele que nos devolve a fé na vida e no amor.
    Parabéns pelo belíssimo poema que a partir de agora estou seguindo.
    Estou, também, "brincando com as palavras."

    ResponderEliminar
  25. O teu sorriso, a razão do meu cansaço - Concordo super! haha
    Beijos

    www.estiilocarol.com

    ResponderEliminar
  26. Lindo poema Gil, minha primeira reação.
    A segunda, fui modelando na mente expressões que as palavras vestiam cada linha. Balanceamento, desafio, valores poéticos, sentimentos para uma bela ocasião. Cultivo... Momentos comoventes de cada um, todos temos esses momentos dentro de nós.

    Abraço

    ResponderEliminar
  27. Amigo, que belo poema e já começo tocando o coração de forma profunda e comovente!
    Existem bocados do meu triste olhar
    Espalhados pelas orlas do amanhecer
    Sentimentos que deixei dispersados
    Pelos contrastes frios do entardecer...
    tem sentimentos tão fortes, em especial quando não é correspondido que se espalha deixando marcas profundas. Parabéns amigo!
    Abraços

    ResponderEliminar
  28. É sempre um prazer vim aqui e ler seus belos poemas, Gil!
    Um grande abraço.

    ResponderEliminar
  29. Talvez um dia aprenda a escrever como o mestre Gil.
    Abraço

    ResponderEliminar
  30. Um poema excepcional
    Abraço Gil
    https://caminhos-percorridos2017.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  31. Como é lindo um amor assim; forte, leal, firme e resoluto.
    Gostei muito do poema. Foi uma leitura muito agradável.
    Abraço, Gil
    ~~~

    ResponderEliminar
  32. Procurou e encontrou, diria eu.
    Aquele abraço, bfds

    ResponderEliminar
  33. Que o aroma do Amor vença sempre a noite escura.

    Beijos.

    Boa Primavera!

    ResponderEliminar
  34. Oi Gil,
    Triste e solitária caminhada,
    cheia de procuras incessantes.
    O importante é nunca desistir...
    Beijos!

    ResponderEliminar
  35. Por vezes esse caminhar faz-se arduo, s\ao as coisas do amar.
    Cordialmente.

    ResponderEliminar
  36. Amor intenso e uma saudade arrebatadora, um coquetel de puro sentimento.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  37. https://poemasdaminhalma.blogspot.pt/
    Olá Gil, que o aroma do amor seja invencível...e todo o calor dessa caminhada seja por uma bela causa abençoada.
    Excelente e maravilhoso poema!
    Abraço e bom fim de semana.
    Luisa Fernandes

    ResponderEliminar
  38. Valerá a pena atravessar o deserto pelo sorriso de um belo poema.
    E a sedução casa a imagem com a palavra.

    Beijinho, Gil.

    ResponderEliminar
  39. Para obter um sorriso do ser amado, vencem-se todos os obstáculos que se nos atravessam à frente…
    Lindo poema de amor.

    Bom Fim-de-semana
    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderEliminar
  40. Captar sorrisos no vento é mitigar amor em lufadas que vão preenchendo carências.
    Bom Poema.


    Abraço
    SOL

    ResponderEliminar
  41. ...
    um sorriso que queria captar
    e que depois de tanto esforço...nem chegou a ser
    achei o poema um pouco nostálgico
    bom fim de semana.
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  42. Maravilhoso poema, encantador, amigo!
    Parabéns, aplausos pra você!
    Um ótimo domingo!
    beijos.

    Aromas de amor, visões do teu abraço
    Pisei pedras de fé, venci a noite escura
    Curei feridas, chagas do meu destino
    Sem sorte, procurei no meu caminho
    O teu sorriso, a razão do meu cansaço

    ResponderEliminar
  43. O amor cura as próprias feridas, porque o amor é lindo quando se manifesta em cumplicidade e faz estes voos em poesia de encantamento.Uma bela inspiração poeta Gil.
    Abraços e bom domingo de paz para uma semana maravilhosa.

    ResponderEliminar
  44. Captar sorrisos no vento é mitigar amor em lufadas que vão preenchendo carências.
    ไพ่ออนไลน์
    Gclub

    ResponderEliminar