quinta-feira, 29 de março de 2018

Mulher: A essência sem raça nem cor.

( imagem da net )

Não te escolho pela tua raça ou cor
nem pelo teu olhar profundo
nem pelos teus lábios de mel
nem por, do jardim, seres a flor
ou onda do mar em desalinho.
*
Nem pela tua beleza exótica
nem por esse sorriso sem fim
nem por seres o verso poético
*
Sendo tu o barco em que navego
o sábio sonho ainda por sonhar
a cristalina água que quero beber
na limpidez do suor que te molha
e humedece a pele em rosa libido.
*
Quero o teu corpo em fértil labor
descansando sobre o meu peito
exalando imoral volúpia de prazer
*
Em meu abraço sentirei a tua emoção,
odes de silêncio, gemidos de fulgor.
Colada ao meu corpo, a tua vibração,
sendo a tua entrega,  o fino cobertor
que me aquece nas noites de paixão.
*
Não te escolho pela tua raça ou cor,
escolho-te sim, como uma mulher
que na sua essência, é pureza e amor

*
Autor: gil António

55 comentários:

  1. Bom dia meu querido. A tua sensibilidade não tem limites. Mas um poema muito bonito e sensível. Sublime. Parabéns.


    Bjos
    Dia feliz

    ResponderEliminar
  2. Maravilhoso caro Gil, tal como diz a Larissa, essa sensibilidade não tem limites!
    Abraço.

    Olhar d'Ouro - bLoG
    Olhar d'Ouro - fAcEbOOk

    ResponderEliminar
  3. Aqui está mais um poema dedicado à mulher, digno de ser lido e partilhado! PARABÉNS.

    PÁSCOA FELIZ.

    ResponderEliminar
  4. Bom dia, Gil!
    Aplaudo de pé, este teu soberbo poema! AMEI.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Um poema fantástico e dedicado à mulher,....adorei,...Beijinhos e uma Santa e Feliz Páscoa,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  6. Mulher...se Deus não criasse você...ELE próprio custava a crer!
    Vinícius de Moraes

    ResponderEliminar
  7. Oi Gil! Maravilhosa homenagem às rainhas desse mundo. Mulher! O que faríamos sem elas a nos fazer inteiros?! Linda sensibilidade. Grande abraço poeta.

    ResponderEliminar
  8. Que lindoooo simplesmente fantastico. Bjokas Gil

    ResponderEliminar
  9. O Poeta não se poupou no poema eterno,
    terno tema: a mulher.

    A vida é um rol
    de verbos conjugados,
    em oportuno tempo.
    Do sonhar navegar
    ao querer escolher beber,
    indício de necessidade de ego
    pode ser?...

    O poeta não se deixa perder
    afirma, sem sofisma, o que o move:
    "a pureza e amor".
    da/à mulher sem cor.

    Abraço.

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde lindo! Um poema bem ao teu jeito. Bem sensível e poderoso! Aplausos.:)))

    Beijinhos m...

    ResponderEliminar
  11. Isso é amar... com paixão....
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  12. Um bonito ode à mulher, o amor ignora beleza, cor e credo.
    Tenha um ótimo dia!

    AbraçO!

    ResponderEliminar
  13. Que linda homenagem a todas as mulheres!!
    Beijinho
    Joana

    ResponderEliminar
  14. Daria uma bela canção...MARAVILHA!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  15. Uma essência assim descrita
    Voa em amor incandescente
    Pela cor nunca será proscrita
    O bem-querer é complacente.

    Abraço

    ResponderEliminar
  16. Que linda a escolha da amada não ser pela cor ou qualquer etnia,o que vale é o amor!
    Muito lindo o poema Gil.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  17. Boa tarde, Gil!

    Li e reli o seu doce poema e cheguei à "b à "brilhante" conclusão (rs): "tudo o que vem à rede é peixe" (rs). Ah, seu marialva ou africano, mesmo nascido em Portugal. Digo isto, pke nunca vi homem mais meloso e amante de mulheres, que o africano.

    Conheço alguns países no Norte de África e antigas colónias portuguesas, Cabo Verde e S. Tomé e Príncipe, (algumas ilhas) e acredite na história/realidade k lhe vou contar. Há uns 10/12 anos, estive umas 3h para passar a fronteira de Ceuta, entre Espanha e Marrocos, pke um dos polícias da fronteira achava que eu era marroquina pelo olhar, pela fisionomia. Evidente, que o meu BI, acho que ainda não tinha CC, era bem explícito, mas o homem andava de um lado para o outro com a nossa documentação (fui com umas pessoas amigas) e nós esperando. Decidi dirigir-me a ele, sozinha, e perguntar-lhe o k se estava a passar com a minha/nossa documentação. Olhou-me, como k a "devorar-me", e disse-me, baixinho, je veux un baiser, seulement un baiser. Ri-me imenso e sem hesitar "espetei-lhe" um beijinho na face. Pronto, o homem ficou "transtornado" e aliviado e lá me deu a documentação. Voltei ao meu grupo e expliquei o sucedido. Riram-se imenso e ainda hoje falam desse episódio, qdo nos encontramos.

    Devo dizer-lhe que o polícia era casado e tinha 6 filhos, soube, posteriormente. O Gil compreende a atitude dele?

    Voltarei. Até mais logo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá amiga Céu

      Se compreendo? Claro que sim
      ............................
      Na fronteira Ceuta/Espanha
      Onde se rezam glórias a Deus
      E a determinação é conquista
      Perante a sua graça tamanha
      Não há homem que resista
      A uns olhos lindos como os seus
      ...............

      Casado e com 6 filhos? Homem machão, lol
      Até já

      Eliminar
    2. Olá, Gil António!

      Antes de tudo e de mais, deixe que lhe diga que o seu/vosso blogue está a ter mais visualizações, especialmente, devido às nossas conversas e põe as pessoas, gargalhando, isto é, "bem" humoradas e até fazem "romarias"(imagine) a posts passados, comentando-os, onde se encontra a nossa troca de impressões. As pessoas sofrem de falta de curiosidade - rs.

      É como lhe digo, meu caro amigo: estamos na crista da onda (e logo eu k detesto mar), nas luzes da ribalta, sob olhares atentos e protagonismo, nosso, evidentemente, parece k temos para dar e vender (rs). SO AGREABLE!

      A experiencia com a Larissa, que anda desaparecida do meu blogue, caso a fizesse, não daria tantos frutos, tanto elam. Compreende-se!

      Ora, vamos ao comentário do seu poema, que, felizmente, não é soneto.

      Penso que o amor não se escolhe, acontece, mas há que ter em linha de conta, alguns fatores, pelo menos na minha opinião, para a sua concretização e continuação. As pessoas, que podem vir a amar-se, têm de pensar que só ter uma bonita cor de alma, é insuficiente. Há que conjugar algumas preferências, maneira de ser e cultura académica. A religião e a política até podem ser opostas, pke se forem inteligentes, será assunto pouco abordado entre eles.

      Voltando ao seu poema, dir-lhe-ei que está bem escrito, tipo cartas na mesa, e que em sua opinião o amor não escolhe nem etnia, nem cor. Não digo raça, como o Gil escreveu, pke uma cigana, que batizei, disse-me: madrinha, eu não tenho raça. Então? Tenho etnia, pke raça têm os cães. Estás tão fina, rapariga, respondi-lhe.

      Resumindo: não escolhe uma mulher por ser branca ou negra, cigana ou índia, plebeia ou nobre, feia ou bonita, escolhe-a (escolhem-se um ao outro, melhor dizendo) sim, pela sua essência, pke a ama e tanta coisa boa pode acontecer entre vocês, sobretudo se a entrega for como um cobertor fino feito de sedas indianas, cheirosas e de frutos tropicais e claro depois, neste cenário, imagine os gemidos e os ais -rs. Em Julho, na sua viagem, depois contar-me-á "tudo", ou seja, como foi a estadia e a alimentação. Conheço a "zona".

      "O sábio sonho ainda por sonhar". Take care! Em poesia tudo podemos dizer e ser, mas há pessoas que não entendem esta possibilidade.


      Compreende? Isso das conquistas começou em 1415 com a tomada de Ceuta aos Árabes e olhe que os Portugueses tomaram a cidade num dia, desviando as rotas comerciais para zonas ainda não conhecidas. Descobertas e conquistas, tantas!
      Rezam a alá para terem 72 virgens, qdo chegarem ao paraíso dos pardais e depois de matarem uns tantos, mas nesse tempo muitos foram convertidos ao cristianismo à força.

      Agora, veio a cantilena, ou melhor, a sua amabilidade. Muito grata!

      Homem machão, não. Homem infiel, até porque os Árabes eram chamados Infiéis, por não serem cristãos. Conheço mto bem a cultura e a manha dos Árabes. Desde jovem e até agora, só lá fui 21 vezes (rs).

      Uma excelente noite, que a madrugada já vai alta, mas eu estou de férias, a partir de ontem à tarde.


      Eliminar
    3. Bom dia minha querida Amiga, CÉU

      De facto, ando mais fugida, nem diria fugida. Diria mais ocupada. Tenho tido muito trabalho o que me impede, por vezes de "chegar" a tudo. Sabe como é a Mulher trabalha mais que o Homem, (risos) kkkk (brinco)
      Obrigada por tudo, pois vejo que o nosso blogue lhe agrada bastante o que me/nos deixa feliz.

      Prometo, ainda esta semana passar no seu cantinho que tenho muito gosto em ler.

      Bjos com estima.

      Eliminar
    4. Querida amiga Céu

      É muito discutível o que é raça e o que é etnia, dentro do Universo humano. Existe quem diga -tenha a opinião - que é a mesmo coisa e quem pense o contrário

      De facto, o conceito de raça caiu em desuso, mas a verdade é que muitas vezes se fala e escreve: Raça negra, raça areana (pura), raça branca, raça amarela.

      Dentro de cada raça podem existir vária etnias: etnia cigana, hindu, muçulmana, religiosa, não religiosa, etc etc etc. Etnias - na opinião de muito estudioso - são grupos que existem dentro de casa raça humana.

      As opiniões, umas mais abalizadas que outras, não passam disso mesmo: Opiniões. Claro que se devem respeitar e eu serei sempre o primeiro a fazê-lo.

      Por isso, como não podia deixar de ser, respeito a opinião da Céu, pessoa que, muito admiro pela sua capacidade intelectual, forma de explanar a sua opinião de uma forma fácil e linear que, decerto todo o mundo - raça e/ou etnia - gostará de ler. Para mim é sempre um gosto ler os seus belos escritos

      Beijinho doce e

      uma Páscoa muito feliz, onde as amêndoas sejam beijinhos em seu coração e afagos no seu olhar.

      Eliminar
    5. Boa noite, Gil António!

      Respire fundo (rs), pke amanhã é feriado e depois temos o fim de semana, doce, preferencialmente.

      Tem razão. Tudo é discutível, mas o que diz respeito a certos assuntos, torna-se ainda mais discutível. Raça foi o k sempre ouvi e me ensinaram, mas devido a deturpações e perturbações linguísticas, por vezes, passou-se a dizer-se etnia. O Bloco de Esquerda é que "entende" mto desses assuntos, mas eu sou de direita, politicamente, portanto, bem no lado oposto.

      Acredite, Gil, que já não sei o k lhe hei dizer em relação à sua simpatia e amabilidade para comigo. Já percebi k é um galanteador nato, mas, não entre em excessos gentis, pke eu sou uma pessoa normalíssima, com formação académica superior, é verdade, sei k o que escrevi e escrevo, agrada a uma maioria e tenho qualidades e defeitos, como toda a gente.

      Quantas vezes já me desejou uma feliz Páscoa? Já nem sabe, mas digo-lhe que já foram algumas. MUITO OBRIGADA!

      Os beijinhos são sempre doces, acho eu, pois vêm do coração para boca e depois seguem a cadeia "alimentar" (rs).

      UMA PÁSCOA VIVA, SABOROSA E VERDADEIRA, ASSIM COMO TODOS OS DIAS DA SUA EXISTÊNCIA.

      Deixo aqui um coelhinho ou prefere uma coelhinha (rs) para lhe adocicar ainda mais a boca e a essência.

      Eliminar
  18. Belo momento lírico, meu caro Gil! Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa noite.

    ResponderEliminar
  19. A essência, de facto, será sempre o mais importante
    Gostei do poema

    ResponderEliminar
  20. Que lindo, Gil!
    O poema parece caminhar sozinho, sem passar pela folha de papel. Dá a impressão de que as palavras são autônomas.
    Parabéns!

    ResponderEliminar
  21. Teu porma só perde em beleza para as estonteante figuras femininas desta publicação.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  22. Lindíssimo Poema!
    Beijinhos

    rosisilvahblogg.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  23. Está muito expressivo e belo, poeta.
    Muito belo.
    Beijo
    ~~~

    ResponderEliminar
  24. Unos bellos poemas los que he podido leer en este blog.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  25. muito bem! gostei de ler.
    (e apreciei a gargalhada)

    abraço

    ResponderEliminar
  26. Maravilhoso poema! PARABÉNS!
    Votos de uma Santa e feliz Páscoa
    Bj



    ResponderEliminar
  27. Uau parabéns!
    Maravilha de poema ❤
    Muito tocante a letra

    Beijos da Tah
    https://blogdathaiara.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  28. Belíssimo poema
    Desejo uma Páscoa muito Feliz.
    Beijinhos
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  29. Lindo e enternecedor. Parabéns.
    Abraço

    ResponderEliminar
  30. As mulheres,não se escolhem pela raça, beleza exterior ou crença, gosta-se e pronto. Gostei do poema :) Parabéns
    Abraço

    ResponderEliminar
  31. Excepcional poema Gil
    Abraços
    https://caminhos-percorridos2017.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  32. Oi Gil, boa noite!
    Belíssimo poema, aliás, mais um né amigo? kkk
    Bjssss e bjsss de boa noite também p/Larissa

    ResponderEliminar
  33. Belíssima poesia amigo Gil, parabéns!
    Este é o momento ideal para recordarmos a importância de lutarmos por ideias e princípios honestos e o amor ao próximo.
    Que nesta Páscoa, você possa se reunir com os que mais ama e celebrar todo o significado desta data. Que a paz, o amor e a esperança renasçam no seu coração e na sua casa, e sua vida se encha de felicidade.
    Feliz páscoa!

    ResponderEliminar
  34. Que incrível, poema muito bem escrito. Gostei muito.

    ResponderEliminar
  35. que belo poema
    https://retromaggie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  36. Poema Simplesmente lindo como sempre!
    Parabéns adorei!
    Beijo de Paz Bem.
    Páscoa Feliz!

    ResponderEliminar
  37. Uma belíssima homenagem à Mulher.
    Aquele abraço, votos de Santa Páscoa

    ResponderEliminar
  38. Oi Gil,
    Eu escolhi quem me amasse mais do que eu e morasse perto da capital.
    Voltei para criar meu filho no interior e me casei novamente, pois o primeiro morreu jovem.

    ResponderEliminar
  39. Boa Páscoa para os meninos deste blog. :)

    ResponderEliminar
  40. Olá, Larissa!

    Compreendo, perfeitamente. Apareça qdo lhe for possível. Será sempre bem recebida, como sabe.

    Beijos e votos de uma excelente Páscoa.

    ResponderEliminar